Como passar pela abstinência ao parar de fumar?

Parar de fumar:Muitos fumantes reconhecem a necessidade de parar com o uso do cigarro, porém não fazem ideia de como. Isso porque o cigarro contém  4500 substâncias: sendo a nicotina tão viciante quanto à cocaína e a heroína; pois ambas liberam substâncias tais como a dopamina e endorfina, que dão ao organismo sensações de alívio e prazer.

Portanto com o passar do tempo, o cérebro de quem fuma tende a ter números bem maiores de receptores nicotínicos que se não forem preenchidos, podem ocasionar sensações de mal-estar. 

Sintomas da abstinência

Sintomas com excessiva ansiedade, dor de cabeça, irritação, insônia, irritabilidade, desânimo, aumento de apetite e dificuldades para se concentrar são uns dos principais sintomas que geram uma dificuldade para interromper o uso do cigarro. A interrupção de seu uso tem seu pico mais alto no terceiro dia e começa se reduzir em mais ou menos uma semana, e desaparecem em um mês. 

Desse modo parar de fumar é uma tarefa bem complicada, que exige bastante perseverança.

O primeiro passo talvez seja uma análise profunda sobre os motivos que te levam a fumar e a partir disso buscar alternativas que driblem tais fatores. Por exemplo, “porque o fumo reduz meu estresse” – alternativas como: ouvir musica praticar esportes, ler, ter boas noites de sono, tomar um bom banho, serão bem úteis nesse período. Será mais fácil saber em quais pontos ficar mais atento se identificarmos essas questões. 

Em seguida o próximo passo pode ser um plano para a interrupção do uso do cigarro, com estratégias especificas para tal.

Entretanto é relevante que seja escolhido um período tranquilo, que não se esteja passando por problemas significativos. 

 Por exemplo, dias antes do escolhido o fumante pode começar reduzindo o número de cigarros consumidos por dia; logo após distanciar-se de cinzeiros e isqueiro; comunicar as pessoas de seu convívio sobre sua decisão e pedir a eles ajuda e paciência. O fumante deve evitar situações que o façam querer fumar; isto é, tomar medidas diferentes quando a vontade vier.

Chegado o dia:

Logo após a chegada da data estabelecida, finalizar o uso, utilizando táticas para conseguir enganar a vontade de fumar. Bem como: beber água, conversar com alguém, chupar balas, pensar nos benefícios que se tem ao parar de fumar, relaxar. Esquivar-se de lugares fechados, onde provavelmente haverá pessoas fumando, ademais essas práticas devem vir acompanhadas juntamente com uma alimentação saudável, prática de esportes e ajuda medica. Podendo sugerir o uso de algum medicamento, e o resultado seja positivo não deixar de fazer uso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *